Bancos de praça são retirados para evitar aglomeração

Bancos de praça são retirados para evitar aglomeração

Uma das mais inusitadas medidas contra o Coronavírus vem de Minas Gerais: retiraram os bancos da praça.

Em Roraima, o desligamento da iluminação pública busca inibir que insiste em sair de casa.

O que importa!

RADICAL 🔴 Para evitar aglomerações, a Prefeitura de Recreio (MG) tirou os bancos da praça dos Ferroviários. Os assentos ficavam na frente de um bar e um ponto de táxi.

ILUMINAÇÃO 🔴 As luzes das praças de Boa Vista (RR) estão sendo desligadas para evitar reunião de pessoas. No Estado são 42 casos confirmados.

BALSAS 🔴 Delfinópolis (MG), que recebe muitos paulistas, passa a limitar travessia de balsa para barrar procura de turistas a pousadas. 

273 🔴 Esse já é o número de denúncias recebidas pela Associação Médica Brasileira por falta de equipamentos de proteção individual somente no estado do Rio de Janeiro.

5 MILHÕES 🔴 Essa é a quantidade de pessoas que pode entrar para a fila do desemprego neste trimestre, calcula o Instituto de Economia da FGV. A taxa nacional chegaria a 16,1%.

470 🔴 Esse é o número de fiscais da Prefeitura de Campo Grande (MS) para cumprimento de regras do comércio no combate ao avanço do Coronavírus.

BARREIRA 🔴 A Prefeitura de Cornélio Procópio (PR) fechou os acessos à cidade. A decisão de se isolar é por tempo indeterminado.

INTERDITADO 🔴 Um campo de futebol foi fechado neste domingo, 5, em Salvador (BA). Mais de 400 espaços de lazer da capital estão com impedimentos.

DISTRAÇÃO 🔴 A apresentação de um saxofonista, suspenso no meio da rua por uma escada do Corpo de Bombeiros, acontece pela segunda vez neste domingo, 5, em Novo Hamburgo (RS).

SEM MORTE 🔴 Oficialmente, somente dois Estados brasileiros ainda não registram mortes em decorrência da pandemia: Acre e Tocantins.