Sul de Minas continua na onda vermelha pela quinta semana seguida

Pela quinta semana seguida, todo esse início de ano, o Sul de Minas permanece na onda vermelha do Minas Consciente. Se não fosse a flexibilização do programa para abertura do comércio mesmo na fase mais restritiva, o impacto econômico teria sido muito maior do que já é observado. Além do cancelamento do Carnaval, a região que abriga o Lago de Furnas e pela sua proximidade com o Estado de São Paulo recebe bastante turistas, a maioria das Prefeituras já cancelou o ponto facultativo dos 15 à 17.

Objetivo é frear aglomerações, mesmo que particulares, em sítios e ranchos.

Nova rodada de decretos, a exemplo de Passos, devem ser publicados na região ainda nesta quinta-feira.