Se remarcar, empresa não será obrigada a reembolsar

Se remarcar, empresa não será obrigada a reembolsar

De acordo com MP com validade pelos próximos dois meses, se a empresa remarcar ela não será obrigada a reembolsar o consumidor.

Cancelamentos de serviços como reserva de hotel, pacotes turísticos e shows podem ser compensados com créditos.

De acordo com a Agência Brasil, também está previsto ‘outro acordo a ser formalizado com o consumidor’.

O Ministério do Turismo afirma que a taxa de cancelamento do setor chegou a 85% em março.