Rodrigo Pacheco agora é o terceiro na linha sucessória presidencial

A presidência do Senado, alcançada por expressiva votação (51 contra 27 de Simone Tebet, do MDB), por Rodrigo Pacheco (DEM), o coloca na quarta na linha sucessória da Presidência da República, atrás do vice Hamilton Mourão e Arthur Lira (que se tornou o nome presidente da Câmara). É, sem dúvida, a maior vitória política da região na era democrática. Pacheco viveu sua infância e adolescente em Passos, seguindo para Belo Horizonte em sua juventude. Sua formação é em Direito e ele tem 44 anos.

Foi deputado federal de 2014 a 2018, disputando sem sucesso a Prefeitura de Belo Horizonte em 2016.

Nos anos 2000, a região ganhou protagonismo com Carlos Melles ministro do Esporte.