Quem tem direito a auxílio-emergencial de R$ 500 oferecido por Minas Gerais?

Quem vive na faixa de extrema pobreza, com renda per capita familiar de até R$ 89, de acordo com dados do Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), terá direito a auxílio-emergencial, em parcela única, de R$ 500, oferecido pelo Governo de Minas. A expectativa é que mais de 1,080 milhão de famílias sejam beneficiadas — a medida já foi aprovada em primeiro turno pela Assembleia Legislativa.

A expectativa é que o pagamento ocorra em agosto, após o pagamento da última parcela do auxílio emergencial do Governo Federal.

Os recursos vão sair do Refis, programa de renegociação de dívidas de empresas.