Quem mais ganha com a saída de Moro do cenário eleitoral?

Ainda não está definido quem mais se beneficia com a saída do ex-juiz federal e ex-ministro Sergio Moro do cenário político. Isso porque seus votos estariam fragmentados possivelmente não só em Bolsonaro, mas também em uma terceira ou quarta posição mais central, a exemplo de nomes como Ciro Gomes (PDT) e Luciano Huck. A decisão do ministro Luiz Edson Fachin sepulta qualquer aspiração política, principalmente em 2022, com o linchamento público da Lava-Jato ainda em curso.

Mas na pesquisa XP/Ipsense publicada nesta sexta-feira, Moro é o único que derrotaria Bolsonaro em segundo turno, embora dentro da margem de erro de 3,5 pontos percentuais.

Seria 34% a 31%. Mas a grande questão seria Moro chegar ao segundo turno.