Praias voltam a registrar fragmento de óleo de origem desconhecida

Praias voltam a registrar fragmento de óleo de origem desconhecida

O litoral brasileiro voltou a registrar fragmentos de óleo de origem desconhecida, semelhantes aos identificados no ano passado. De acordo com a Marinha, já foram atingidas praias do Espírito Santo, Bahia, Alagoas e Rio Grande do Norte.

Outro ataque ao meio ambiente marcou o dia: Amazônia teve em junho o maior número de queimadas dos últimos 13 anos.

O que importa!

NATUREZA 🔴 Fragmentos de óleo semelhantes aos identificados no ano passado foram novamente encontrados no litoral do Rio Grande do Norte, Alagoas, Bahia e Espírito Santo.

FOGO 🔴 De acordo com dados do próprio governo, junho registrou o maior número de queimadas na Amazônia nos últimos 13 anos.

RETOMADA 🔴 Rio de Janeiro terá reabertura de bares e restaurantes amanhã. Banho de mar será permitido a partir do dia 10.

CIRCULAÇÃO 🔴 A proibição da entrada de estrangeiros no Brasil foi novamente prorrogada. Agora por 30 dias.

CONTAMINADO 🔴 O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés, testou positivo para Coronavírus. Ele apresenta tosse, dor de garganta e febre.

CIDADES 🔴 7 passageiros ficaram feridos hoje após ônibus perder freio em ladeira de Salvador. O veículo bateu em um poste e parou em um muro.

CLIMA 🔴 101 municípios de Santa Catarina registram ocorrências com a passagem do ciclone. 10 mortes já foram confirmadas no Estado e no vizinho Rio Grande do Sul. 

EDUCAÇÃO 🔴 A maioria dos inscritos no Enem votou para que a prova ocorra em maio de 2021. A data ainda vai ser definida para não prejudicar cronograma de faculdades.

MÍDIA 🔴 Mais de 400 marcas mundiais já suspenderam anúncios no Facebook em protesto por mais transparência da rede social.

POLÍCIA 🔴 Por desavença com vizinho, um homem de 31 anos confessou ter matado neta e avó em Caxias do Sul (RS). Ele escondeu o corpo da adolescente em um riacho e colocou fogo na casa da idosa.