Polícia Federal realiza operação contra mineração ilegal em Minas Gerais

Na manhã da quinta, 12, a Polícia Federal, em conjunto com a Polícia Militar Ambiental de Barbacena e a Agência Nacional de Mineração, atuou para combater crimes contra o meio ambiente e de usurpação de patrimônio da União.

A empresa que realizava a mineração ilegal de ouro havia disposto três balsas ao longo de aproximadamente dois quilômetros do leito do Rio Grande, em área pertencente ao município de Santana do Garambéu/MG. O proprietário da empresa não foi encontrado no local. Os operadores das máquinas e os mergulhadores foram ouvidos e liberados.

As investigações terão seguimento, para identificar o montante de mineral extraído, a extensão da degradação, a responsabilidade do proprietário e o envolvimento de outras pessoas.

Os envolvidos estão sujeitos a seis anos de detenção, caso sejam condenados.