Poços de Caldas: rede de fibra ótica em prédios públicos reduz por quatro gastos com comunicação

Poços de Caldas: rede de fibra ótica em prédios públicos reduz por quatro gastos com comunicação

O projeto de fibra de ótica que está sendo implantado há um mês em todos os prédios públicos vai proporcionar um salto tecnológico e uma economia para a administração pública.

A gestão municipal passará a ter um sistema de comunicação integrado entre todas as secretarias. Das 166 unidades, apenas 57 ainda não receberam a fibra ótica. Já estão preparados para se conectar em rede os 37 pontos da área da saúde, os 71 da educação e o prédio da prefeitura.

O quesito economia também deve ser ressaltado nessa reestruturação tecnológica. Antes gastava-se R$107 mil reais/mês com diferentes operadoras e o serviço não alcançava todas as regiões. Agora, o custo mensal cai para R$25 mil reais/mês, e cada ponto terá no mínimo 30 mega na região urbana, por fibra ótica; e 8 mega na região rural, via rádio ou satélite.

Com o grande volume de informações gerado em cada departamento da prefeitura, o sistema integrado de comunicação passa a ser fundamental. “É neste contexto que as tecnologias de informação e comunicação trarão o diferencial para a nossa gestão. Com a integração do sistema ganhamos agilidade e precisão nas informações”, afirmou o prefeito Sérgio Azevedo.

A previsão é que a fibra ótica seja instalada até outubro e em novembro todo a rede municipal esteja interligada.E essa reestruturação se desdobra em muitas outras melhorias para o município que vai além da internet de qualidade. “A parte de telefonia também está dentro deste pacote da fibra ótica. Para o início de 2020 devemos ter a ampliação da rede pública de internet com mais locais e regiões beneficiados. E em uma segunda etapa será estruturada a rede de câmeras de vigilância por toda a cidade, o que trará mais segurança aos moradores e visitantes”, explicou Edson Barcelos Martins, diretor do Depto. Municipal de Comunicação, Manutenção e Informática.

Como vai funcionar

Com toda a rede interligada serão inúmeros os benefícios para os funcionários das repartições públicas e também para a população. “Teremos redução na redundância de informações usando um banco de dados integrado, o encurtamento da distância entre a sociedade e a administração pública e o aumento do grau de transparência e prestação de contas”, ressalta Ana Alice Souza, secretária de administração.

Na área da Saúde, por exemplo, cada visita do paciente a uma unidade de saúde irá gerar uma informação, que será anexada a uma ‘ficha’ virtual.Cada procedimento que ele fizer será anotado nesta ficha que poderá ser acessada quando ele der entrada numa unidade de emergência, por exemplo. Essas informações poderão ser acessadas pelo médico, gerando um histórico do paciente e proporcionando uma agilidade maior no atendimento.

Ainda na Saúde, a rede de informações permitirá um controle maior no setor de medicamentos, já que toda retirada de produtos nas farmácias municipais também irá gerar uma informação no histórico do paciente, evitando duplicidade de retiradas.

Na área da Educação, os pais poderão checar os boletins dos filhos e outros serviços que poderão ser disponibilizados online, tanto para os pais, alunos e também para os funcionários, agilizando os trabalhos.

Para a Seção de Informática da Prefeitura, com a estabilidade no sinal da internet, será possível a assistência técnica remota. O técnico poderá acessar a máquina que apresentar defeito e resolver o problema sem custos com transporte e com maior agilidade no atendimento. Tudo isso graças à estabilidade do sinal da internet, já que a fibra ótica não está sujeita às intempéries do clima nem de ruídos de telefonia.