Connect with us

Polícia

Pelo menos mil quilos de ouro extraídos ilegalmente

Published

on

A CMH do Brasil, de acordo com o Estadão, pagou R$ 246,5 milhões – equivalente a mil quilos de ouro – só para garimpeiros do Sul do Pará. A família italiana Dogi, que controla a empresa, é alvo de operação da Polícia Federal. Com sede em Goiânia, fez mais de 3,1 mil operações de compra de joias, metais e pedras preciosas entre setembro de 2015 e o mesmo mês do ano passado.

Exportação, muitas vezes, era realizada em voos privados, sem passar pelo Sistema Integrado do Comércio Exterior.

A defesa dos citados não retornou questionamento do Estadão.

Jornalista e editor dos sites Da Redação, Front Pages News e Cura Plena. Escritor do 'Museu da Notícia' e 'Quer um conselho?'.

Continuar Leitura
Advertisement
Advertisement

Mais vistas