O que diz o FBI sobre investigações do 11 de Setembro

Memorando do FBI sobre as investigações do 11 de Setembro, publicado na noite deste sábado, 11, descarta participação do Governo da Arábia Saudita nos atentados. Documento, divulgado após pressão do presidente Joe Biden, descreve contato de um associado de Osama Bin Laden, o saudita Omar al-Bayoumi, com dois homens que sequestraram avião à época.

O memorando tem data de 2016 e levantava suspeita, não confirmadas, de três sauditas, que teriam ajudado na logística dos ataques e mantido contato com o Consulado do país em Los Angeles.

O grupo que representa familiares de vítimas, o 9/11 Families United, agora volta atrás sobre as acusações contra o Governo da Arábia Saudita.