Minas Gerais mantém saldo positivo de empregos pelo 8º mês consecutivo

Minas Gerais mantém saldo positivo de empregos pelo 8º mês consecutivo

AGÊNCIA MINAS

Pelo oitavo mês consecutivo, Minas Gerais voltou a ter saldo positivo de empregos. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quarta-feira (25/9) pelo Ministério da Economia, o estado registrou, em agosto, 5.895 postos de trabalho adicionais, índice 30% maior do que o apurado no mesmo mês em 2018, que registrou 4.530 vagas.

Os números de agosto deste ano são resultado da admissão de 155.999 trabalhadores e do desligamento de outros 150.104 no período. No acumulado de 2019, Minas Gerais já garantiu a geração de 101.506 empregos, um aumento de 1.342 postos de trabalho em relação a igual período do ano passado, quando o saldo de vagas atingiu 100.164.

Ainda segundo o Caged, em agosto, o Brasil registrou um saldo positivo de 121.387 vagas de emprego, decorrentes de 1.382.407 admissões e de 1.261.020 desligamento de trabalhadores.

Por segmento de atividade econômica, em Minas, o setor de serviços liderou em agosto a geração de vagas, com um saldo de 8.102 postos de trabalho, seguido pela indústria de transformação (3.927), construção civil (3.263) e o comércio (1.307). Já a indústria extrativa mineral garantiu um acréscimo de 493 empregos.

BH na liderança

Em agosto, o município de Belo Horizonte liderou o ranking de saldo de empregos em Minas, com 4.027 postos de trabalho, seguido por Betim (990), Nova Lima (972), Ipatinga (653) e Ituiutaba (474).