Kajuru chama Rodrigo Pacheco de ‘office boy de luxo de dois patrões’

Jorge Kajuru (Cidadania), um dos candidatos independentes à presidência do Senado, mas que retirou seu nome em apoio a Simone Tebet (MDB), afirmou que o presidente eleito Rodrigo Pacheco (DEM) é ‘office boy de luxo de dois patrões’. Ele recebeu apoio tanto de Jair Bolsonaro quanto da bancada do PT, em uma carreira política meteórica, com apenas dois anos no Senado e um mandato de deputado federal (2014-2018). Em 2016, disputou, sem sucesso, a Prefeitura de Belo Horizonte.

O senador disse ainda que a gestão ‘melancólica’ de Davi Alcolumbre (DEM) faz ele ‘ter saudades de Renan Calheiros nos tempos da capitania hereditária nesse Senado’.

Ele disse que trocar Rodrigo Pacheco por Alcolumbre ‘trocar seis por meia dúzia’.