Ex-aliada tenta tirar Bolsonaro da Presidência apontando ‘incapacidade mental’

A deputada Joice Hasselmann (PSL), ex-líder do Governo na Câmara dos Deputados, apresentou nesta segunda-feira, 22, uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que tenta impedir Jair Bolsonaro de governar caso seja atestada sua ‘incapacidade mental’, o que seria definido pelo vice-presidente e 1/4 dos ministros. Embora seja considerada uma medida que dificilmente será aprovada, é mais uma investida para enfraquecer o apoio ao presidente.

‘Caiu a ficha de que a nossa Constituição não tem um remédio como esse. Não estou personalizando isso. Impeachment é o remédio para o caso de crime de responsabilidade’, afirmou.

Quem já questionou a sanidade de Bolsonaro foi o jurista Miguel Reale Júnior, um dos autores do impeachment de Dilma Rousseff (PT).