Eleições: Senado aprova adiamento, mas falta consenso na Câmara

Eleições: Senado aprova adiamento, mas falta consenso na Câmara

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, afirma que está longe de uma solução a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 18/20, que adia para dias 15 e 29 de novembro as eleições municipais deste ano, inicialmente previstas para 4 e 25 de outubro. O texto já foi aprovado pelo Senado.

‘É importante que a Câmara tome a sua decisão. Estamos dialogando para construir o apoio necessário, até a unanimidade, para que a gente possa votar, mas ainda estamos longe disso. A nossa intenção é, com diálogo, chegar até quarta-feira (1º) a uma solução para esse problema , observa Maia.

Embora seja consenso sobre o adiamento do pleito, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, afirmou que o cronograma de campanha eleitoral em agosto.