Derrota apertada de Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre

Encerrada na noite deste domingo, 6, a discussão sobre a possível reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ) na Câmara e de Davi Alcolumbre (DEM-AP) no Senado. O Supremo Tribunal Federal (STF) negou, por 7 a 4 e 6 a 5, respectivamente. A recondução foi considerada inconstitucional, com votação decisiva dos ministros Luís Roberto Barroso e Edson Fachin. Gilmar Mendes defencia uma mudança interna no regimento do Congresso para viabilizar nova candidatura.

Trata-se de uma discreta vitória de Bolsonaro, que pode ter em ambas as casas aliados mais fiéis.

Embora não tenham causado problemas maiores para o Governo, Maia e Alcolumbre divergem do temperamento do presidente.