Connect with us

Economia

Com alta do diesel, cai ministro Bento Albuquerque

Published

on

Bento Albuquerque foi oficialmente exonerado nesta quarta-feira, 11, após mais uma alta do diesel nas refinarias da Petrobras: 40 centavos o litro. Assume Adolfo Sachsida. ‘Vocês não podem, ministro Bento Albuquerque e senhor José Mauro, da Petrobras, não podem aumentar o preço do diesel. Não estou apelando, estou fazendo uma constatação levando-se em conta o lucro abusivo que vocês têm. Vocês não podem quebrar o Brasil. É um apelo agora: Petrobras, não quebre o Brasil, não aumente o preço do petróleo. Eu não posso intervir. Vocês têm lucro, têm gordura e têm o papel social da Petrobras definido na Constituição’, afirmou Bolsonaro.

O presidente chegou a classificar os recentes aumentos nos preços de combustíveis de ‘estupro’.

Adolfo era assessor especial na equipe de Paulo Guedes, no Ministério da Economia. É advogado e também doutor em Economia.

Jornalista e editor dos sites Da Redação, Front Pages News e Cura Plena. Escritor do 'Museu da Notícia' e 'Quer um conselho?'.

Continuar Leitura
Advertisement
Advertisement

Mais vistas