Brasil vive realidades distintas da pandemia, diz OMS

Regiões brasileiras vivem realidade distintas, de redução ao aumento, no volume de casos do Coronavírus, avalia a Organização Mundial da Saúde (OMS) com as Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) suportando a carga utilizada até o momento. Nas últimas 24 horas, o país confirmou 20 mil novos casos e 1,2 mil mortes — volume que sem mantêm a três dias.

“Temos visto achatamento dos casos em algumas regiões, mas um contínuo aumento em outras”, alerta o diretor executivo da OMS, Michael Ryan.

Ele alerta para o aumento de casos e que o sistema de saúde pode não aguentar a ‘pressão persistente’