Bolsonaro condiciona ordem à saída de Alexandre de Moraes

Tanto no discurso feito em Brasília pela manhã quanto o da Avenida Paulista, na parte da tarde, desta terça-feira, 7, o presidente Jair Bolsonaro condiciona a ordem no país a partir de agora com a saída de Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que autorizou série de prisões contra seus aliados nas últimas semanas. Ele chegou a dizer que era hora de Moraes ‘pegar o boné’ e partir.

O presidente do STF, Luiz Fux, deve se pronunciar nesta quarta-feira, 8, quando supostamente, de acordo com Bolsonaro, ocorreria encontro do Conselho da República.

Os outros dois poderes negam terem sido convocados.