Base de Bolsonaro compara Davi Alcolumbre a um ‘tranca-rua’

O senador Telmário Mota (PROS-RR) comparou o senador Davi Alcolumbre a entidade ‘tranca-rua’ por ainda não ter pautado a sabatina de André Mendonça, indicado de Jair Bolsonaro, para vaga aberta no Supremo Tribunal Federal (STF). O parlamentar comparou o ex-ministro da Justiça a Jesus Cristo, que ‘vive uma verdadeira via-sacra para ter seu nome sabatinado na Comissão de Constituição e Justiça (CJJ)’.

A demora seria uma estratégia da oposição para minar forças de Bolsonaro, uma forma de retaliação pelo presidente em levar adiante pedido de impeachment contra ministros do STF.

‘Eu só espero que a CCJ não torne ao Ministro André um calvário, um calvário que o sacrifique, que o crucifique. Eu, então, queria fazer um apelo ao senador Davi, que presidiu esta Casa, que teve todo o nosso apoio; inclusive na CCJ, teve todo o nosso apoio. Agora, a CCJ tem que andar, a fila tem que andar. Não pode hoje colocar na CCJ um tranca rua. A CCJ tem que julgar: ou aprova ou desaprova. É verdade que o Ministro André é um homem extremamente religioso. Mas ele não é Jesus para ficar nessa via-sacra. Ele precisa ser sabatinado. Esse é o meu apelo ao Senador Davi’.