Atenção: reajuste no salário muda PIS, INSS e seguro-desemprego

A mudança de R$ 1.039 para R$ 1.045 no salário mínimo vai ajudar os valores praticados para acesso à Justiça, benefícios previdenciários e contribuições sociais.

O salário mínimo passaria de R$ 998 para R$ 1.039, mas o presidente Jair Bolsonaro se manifestou que através de medida provisória irá acrescentar R$ 6.

O menor valor para o seguro-desemprego passa a ser R$ 1.045.

Folha de pagamento de fevereiro

O Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) vai aplicar a nova base de valor a partir da folha de pagamento de fevereiro.

É preciso ficar atento ao último número do benefício, desconsiderando o dígito verificados que fica após o traço, para saber o dia exato do recebimento.

De acordo com o jornal Agora São Paulo, ainda não se sabe se haverá pagamento retroativo da diferença de R$ 6 levando em conta a diferença dos dois pisos.

Abono salarial do PIS

Para quem trabalhou 12 meses com renda de até dois salários mínimo no ano-base de 2018 passará a ter o valor máximo de R$ 1.045.

Para quem trabalhou apenas um mês, a cota mínima é de R$ 87,08.

Ações nos juizados especiais, que tem como base o piso nacional, sofre também alterações: 60 salários mínimos (R$ 62.700) no Juizado Especial Fderal e 40 salários mínimos (R$ 41.800) no Juizado Especial Cível.