A luta para transferir pacientes graves de Piumhi para outros hospitais

Com poucas vagas de UTI, principalmente no hospital referência da região, a Santa Casa de Passos (são apenas 5 vagas neste fim de semana), a luta para transferir pacientes graves de Coronavírus de Piumhi se torna dramática nas últimas horas. É o que revelou nesta semana Ivana Mara de Oliveira Rezende, que atua na linha de frente da Santa Casa de Piumhi e da Secretaria Municipal de Saúde, no pronunciamento mais contundente de uma autoridade da Saúde na cidade desde o início da pandemia.

Piumhi atingiu a marca de 1.002 casos confirmados nesta sexta, 15.

Barreiras sanitárias itinerantes estão em funcionamento.