A Grande Peste Negra de 1720: uma década para a recuperação

A Grande Peste Negra de 1720: uma década para a recuperação

A primeira edição de junho da revista Challenges relembra a chamada Grande Peste Negra, ocorrida em 1720, em Marselha, sul da França, tradicional centro de imigração e comércio. Quase a metade da população foi dizimada pela bactéria (peste bubônica) que teria entrado no país através de uma carga de um navio sírio.

Marselha precisou de pelo menos uma década para se recuperar das consequências.

O tente general Pierre Joseph Hyacinthe de Rouairoux, marquês de Caylus, proibiu severamente a circulação e ameaçou fuzilar quem descumprisse.