99% dos focos de Dengue foram detectados no interior das residências em Nova Serrana

99% dos focos de Dengue foram detectados no interior das residências em Nova Serrana

O Levantamento do Índice Rápido de Infestação do Aedes Aegypti (LIRAa) realizado entre os dias 14 e  17 de outubro apontou que 99% dos focos do mosquito estão dentro das residências. De acordo com a mostra, o índice de infestação em Nova Serrana teve leve aumento comparado com a última pesquisa e está em 1,7%.

Durante o levantamento foram visitadas 1.745 residências. Os locais com maior número de focos foram caixas d’água, barris, tonéis, bebedouros de animais, reservatório degelo de geladeira, tanques, depósitos em obras, hortas, calhas, lajes, vaso sanitário em desuso, piscina sem tratamento, lixo, recipiente plásticos, garrafas, latas, pneus e sucatas.

De acordo com a coordenadora de Endemias, Idália Cordeiro, alguns moradores têm resistência em ouvir e colocar em prática as orientações passadas pelos agentes. “Os agentes percebem que, de uma visita para outra, num prazo médio de 60 dias, quando ocorre a realização de cada ciclo de trabalho, muitas caixas d’água permanecem de forma inadequada, mal tampada, sem higienização. Mesmo depois de receberem todas as orientações durante a visita bimestral, muitos moradores não tomam uma atitude. Lembrando ainda que alguns moradores têm resistência em receber os agentes. Se quisermos acabar ou, pelo menos, controlar a Dengue em Nova Serrana, precisamos urgente da colaboração da população”.

Confira a evolução do índice de infestação desde 2017 em Nova Serrana.